MTur e UNESCO lançam edital para apoiar o desenvolvimento do cicloturismo no Brasil

MTur e UNESCO lançam edital para apoiar o cicloturismo no Brasil (Foto: Pedal na Rede)

A fim de desenvolver o cicloturismo no Brasil, o governo federal, por meio do Ministério do Turismo e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) vão selecionar empresa para mapear este segmento no país.

O objetivo da contratação é gerar informação e conhecimento para estimular a inovação e o aprimoramento de produtos turísticos para este segmento, uma das tendências do mercado.

O contrato previsto no edital terá duração de 180 dias. Além do mapeamento da oferta e da demanda por cicloturismo no país, a empresa contratada deverá identificar mercados estratégicos e propor ações promocionais e de apoio à comercialização para o posicionamento competitivo do cicloturismo brasileiro.

Ao final do contrato, também deverá entregar subsídios para a construção de um portfólio de destinos, produtos, experiências e eventos relacionados ao segmento.

Os interessados devem encaminhar proposta técnica e documentação financeira até as 18h do dia 5 de abril, por meio da plataforma de licitação da Unesco. Clique aqui para acessar.

Segmento em alta

A Revista de Tendências do Turismo, lançada pelo MTur no último mês, aponta o cicloturismo como um segmento em alta para 2022.

O secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo, Fábio Pinheiro, apontou que os resultados do mapeamento deverão “contribuir para nortear as políticas públicas e subsidiar as ações de investimento, de marketing e promoção junto à iniciativa privada e turistas potenciais”.

Já a Diretora do Departamento de Inteligência Mercadológica e Competitiva do Turismo, Nicole Facuri, ressalta que este projeto contribuirá para o aumento da competitividade do turismo brasileiro, uma vez que o cicloturismo reúne os elementos necessários para impulsioná-lo.

O edital faz parte do Projeto de Cooperação Internacional, firmado entre o Ministério do Turismo, a Agência Brasileira de Cooperação (ABC/MRE) e a Unesco para a promoção do turismo nos sítios do patrimônio cultural e natural, da economia criativa e de outras políticas vinculadas ao turismo e ao desenvolvimento sustentável.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: